segunda-feira, 15 de junho de 2009

O bichinho da saudade


Mami vai viajar. Eu sei porque a vi arrumando a mala (que não é muito pequena, então ela deve demorar uns dias). Me deu uma dorzinha no coração... Estranho sentir saudade de alguém que está a dois passos de mim, já temer a falta que ela vai fazer antes mesmo de ela partir e esperar ansioso para que ela volte logo, mesmo ela nem tendo ido ainda.

A saudade é um bichinho danado que invade quieto, imperceptível, e depois faz uma bagunça enorme dentro de nós, que é difícil de passar em branco - um misto de vazio, por querer estar junto de quem está longe; e de completude, por estarmos felizes por vermos quem a gente ama feliz, mesmo estando longe de nós. E este bichinho esquisito só invade corações que se amam. Por isso, me aquieto e espero, pacientemente, a hora de ele ir embora.

6 comentários:

  1. A saudade realmente mexe com a gente; mas quando a gente sabe que é passageira não dói tanto... Bjs

    ResponderExcluir
  2. E vc vai pra onde? Muito longe dele? E ele vai ficar com quem?Saudade é chato téo..

    ResponderExcluir
  3. Já passa... Ela volta logo... :)

    ResponderExcluir
  4. É Teo, saudade é mesmo complicado... mas pode ter certeza que a sua mami também está com o bichinho da saudade dentro dela.
    Ela vai estar feliz de viajar, e ao mesmo tempo, pensando em você sem parar!
    E o melhor de tudo, ela volta!
    E quando voltar, vai te encher de carinho.
    Um beijo,
    Stela

    ResponderExcluir
  5. Volta logo!

    Tem uma entrevista bem legal no Tudo Gato com o cartunista Laerte (desenhista dos personegens Gato e Gata).

    Grande abraço!
    Lauesg

    www.tudogato.com

    ResponderExcluir

Curtiu?